domingo, abril 18, 2010

Ilustrações feitas para um livro de RPG

Fiz estas ilustrações para um livro de Role Playing Game (RPG), de um autor de Florianópolis, em 1993. Na época, eu nem sabia o que era RPG.

Repare no dispositivo moderno na mão do rapaz: um disquete flexível (lembra?).



4 comentários:

Murilo disse...

Interessante.
Gostaria de saber a sua opinião sobre o RPG - pode ser um jogo cristão? Tem algum material ou indicação de site/livro que fala sobre o assunto?

Michelson disse...

Fiz essas ilustrações quando era recém-convertido e mal conhecia esse tipo de jogo. Depois, pesquisando mais, percebi que não se tratava de um entretenimento saudável para cristãos e desconheço algum tipo de RPG que tenha conteúdo cristão.

Murilo disse...

Interessante - sei de uma monografia defendida por alunas da UNASP sobre o RPG. Parece que existe muito preconceito com o jogo, e muita falta de informação também.
Abraços, Murilo.

Victor Valle disse...

O jogo em si é uma aventura da imaginação. Um video-game sobre guerra, tiro e crime é uma influência muito pior para cristãos do que o RPG.

Jogo a 12 anos, sou Cristão, assim como meus amigos e nossa diversão é saudável e cheia de imaginação e entretenimento intelectual.

Porém, da mesma forma que um cozinheiro habilidoso usa uma faca para preparar um delicioso churrasco um assassino a usa para cometer atrocidades. Discernimento é essencial para julgar entretenimento